top of page
Buscar
  • Foto do escritorRedação G7

Pandemia no Guarujá: o que pode e o que não pode nas praias


Foto: Reprodução / Web


Assim como de outras cidades da Baixada Santista, a prefeitura de Guarujá  flexibilizou uma série de medidas de proteção adotadas no início da pandemia, mas manteve outras proibições. 

Em junho, a prefeitura decidiu permitir caminhada e corrida e esportes aquáticos, sem restrição de horário. Até então as modalidades estavam proibidas aos fins de semana e aos feriados. Para caminhada e corrida é exigida distância mínima de 5 e 10 metros, respectivamente, entre os praticantes. Guarujá, assim como toda a Baixada Santista, esta estabilizada há oito semanas na fase 3 amarela – o terceiro índice menos grave, abaixo apenas do verde.  


Leia aqui o que pode e o que não pode em outras cidades da Baixada: Santos - Bertioga - Praia Grande


A prática de esportes individuais na orla das praias de Guarujá foi liberada pela gestão municipal em 15 de junho. Esportes aquáticos também estão liberados na cidade. Já a prática de esportes coletivos segue proibida desde maio, por decreto do prefeito Válter Suman. Deferentemente de Bertioga e Peruíbe, cadeiras e guarda-sóis também seguem proibidos na cidade.


PERMITIDO NA PRAIA


Esportes individuais

Esportes aquáticos individuais


PROIBIDO NA PRAIA

Esportes coletivos

Montagem de guarda-sóis

Instalação de cadeiras

RECOMENDAÇÕES

Distância mínima de 2,5 metros

Uso de máscara

Evitar aglomerações


FONTE/costanorte

2 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page